Montejunto – BTT (170km) Janeiro 2016

Neste fim de semana a aventura foi épica, objetivo: ir dormir ao topo da serra do montejunto (650m altitude), micro aventura desenhada pelo destemido Dias.
No sábado de manha arrancámos com muito frio mas com um sol bem bonito, uma paragem em negrais para uma sandocha de leitão e siga pelo vale do inferno direitos à nacional 8.
O trajeto era um bocado agressivo em termos de acumulado, quando chegámos ao sobral já havia quem tivesse bem farto de subir 🙂
Uma paragem no cemitério do sobral para almoçar e encher as garrafas de água e fizemo-nos ao caminho para a serra.
Na subida para a serra nos últimos 4km o Dias e o Poeiras já deitavam subidas pelos olhos e decidiram treinar um pouco de caminhada, não é fácil subir 400m a empurrar 40kg 🙂
A noite caiu e lá chegámos à zona da fábrica do gelo, procurámos um síto abrigado para dormir pois já estavam cerca de 2Cº às 19:30 e com muito vento. O objetivo era dormir a 100 metros do topo e depois de manhã ir lá acima.
Encontrámos uma casa com aspecto de ser um abrigo e na traseira tinha um barbecue, essa zona estava abrigada do vento e montámos por ali as tendas, o Dias ganhou a medalha do fogo, brindou-nos com uma bela fogueira para aquecermos as mãos enquanto cozinhávamos.
Durante a noite a temperatura baixou até aos 1Cº e tivemos que nos agasalhar muito bem para dormir.

De manhã toca a desmontar e preparar para ir lá acima, o Dias aproveitou para treinar mais um bocado do seu novo desporto (caminhada) e foi a empurrar a burra até lá acima. O Poeiras tava com frio e foi descendo.
Paisagem brutal na descida e é giro que se vê até às berlengas. Na descida vestimos mais umas camadas de roupa pois com 4Cº e a velocidade a descer o frio até cortava.
Paragem no Sobral novamente para comer qualquer coisa e secar a roupa e começou a chover, o resto da viagem não tem muita história, subidas atrás de subida, 5Cº e alguma chuva, para desenjoar, em vez de virmos por negrais viemos por Loures, Odivelas e subida íngreme até à pontinha.

Esta viagem foi graças ao Marco Fisioterapeuta que em uma semana me pôs sem dores na lesão do tendão de aquiles, ganda Marco, obrigado 😉

Total: (170km)
Noites: 1 noite
Acumulado: 2700m
Média: 13km/h

a bela da sandocha!
vale do inferno
cabeço de montachique ao fundo
subida para o Sobral de Monte Agraço, um pontinho amarelo é o dias
morri…
hora do almoço 🙂
montejunto ao fundo
xinxada de laranjas e tangerinas
montejunto, ai tão alto!!!
primeiro treino de caminhada 🙂
também vou treinar caminhada 🙂
o filho do meu pai não gosta de andar a pé!!!
que fresquinho!
medalha do fogo para o Dias!!!
o nosso spot
toca a agasalhar!
ruínas do convento no topo
yeah!!!
mais uma caminhada!!!
missão cumprida
664 metros altitude com 40kg às costas
vê-se daqui às berlengas
secar roupa
chuva!!!

Deixar uma resposta